terça-feira, 21 de abril de 2015

DÁ PRA SENTIR MINHA REVOLTA? // OU // POSSO CHAMÁ-LOS DE AMIGOS?

Tumblr: AN. OPEN. REVOLVING. DOOR
Por que a gente demora? A gente sempre demora!

Talvez seja medo de ser precipitado, meter os pés pelas mãos. A verdade é que eu gosto de estar bem com as pessoas. Tenho orgulho de dizer que tenho amigos de todos os tipos, uns muito diferentes de outros e tal, e gostaria de poder dizer que nos damos todos muito bem. Não nos damos.

E por que a gente demora?

Sabe aquele relacionamento abusivo, em que você acha melhor ficar quieto e até se sentir menosprezado só pra não "criar caso"? Acontece em amizades, namoros, casamentos etc.

A gente demora!

Por que existe o medo de deixá-los pra trás quando a gente percebe que não nos sentimos tão bem assim perto deles? Vamos retirar o "deixá-los pra trás" e substituir por superá-los. Por que não superamos relacionamentos que não agregam? Por que ligamos para o julgamento dessas pessoas?

No mundo de hoje, só a gente demora!

Eu e mais ninguém tem a obrigação de manter um relacionamento no qual uma das partes sai prejudicada. Vamos todos buscar pessoas que nos fazem bem e nunca deixar com que cometamos o mesmo erro de fazer mal às outras pessoas. Geral aí achando que só porque é feliz de um jeito, o mundo precisa viver como ele pra ser feliz também.

6 comentários:

  1. A gente demora pois somos apegados ao já conhecido e tememos o novo. É mais fácil aguentar o que já se conhece do que se permitir buscar coisas novas.
    A demora, pq somos humanos

    ResponderExcluir
  2. Interessante, enquanto lia teu post eu fui pensand na questão do apego (e do desapego)... quando fui comentar o Sam comentava a mesma coisa... Acho que a gente demora por uma insegurança, por uma carência de nós mesmos (como eu li outro dia em um livro)... Acho que demoramos porque nos sentimos ainda um pouco "fracos" para sair lutando por aquilo que acreditamos, que merecemos...

    Queria saber porque a gente demora, porque eu demoro... Mas acho que dá para afirmar que independentemente disso, em algum momento nós vamos a luta... e é isso que importa.

    Em relação ao desapego, me permita deixar um link... é um texto que eu adoro e vira e mexe me pego revisitando e que fala dessa questão do desapego, se olhar nas entrelinhas... talvez a gente comece a achar alguma pista porque demoramos...

    http://revistaepoca.globo.com/Vida-util/noticia/2012/03/nao-tive-desapego.html

    Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Latinha, muito obrigado pelo link do artigo. Fez bem tê-lo lido agora.

      Bonita a parte sobre se abrir para o universo quando nos desapegamos de uma ideia fixa.

      E sobre essa "carência de nós mesmos", chego à conclusão de que as respostas já estão com a gente, só não nos empenhamos em procurá-la.

      Abraço.

      Excluir
  3. Concordo com o Sam...
    Acho que pessoas práticas sofrem menos.

    ResponderExcluir